Os batons mais desejados do momento exalam perfume jul01

tags

Posts relacionados

Compartilhe

Os batons mais desejados do momento exalam perfume

Existe um ritual a ser respeitado na hora de comprar um batom, e ele geralmente segue esta ordem: escolha da cor, do efeito (mate, cremoso, cintilante), da cobertura (intensa, transparente) e, por que não, da embalagem. Pois agora há mais um item a se considerar: o perfume. Se antes sentir o aroma de um batom era sinônimo de produto de baixa qualidade ou com a validade vencida, os últimos lançamentos da sempre inventiva indústria da beleza mostram que a fragrância ganhou importância, contribuindo para uma experiência ainda mais sensorial na aplicação.

Para sua nova linha de batons Le Rouge, a Givenchy apostou em um aroma suave e floral especialmente criado por François Demachy, perfumista responsável também pela fragrância Dahlia Noir, sucesso recente da grife.“Optamos por não usar óleo de rícino, para um efeito mate hidratado.Isso permitiu que criássemos um aroma específico para o batom, em vez de simplesmente ter de encobrir o mau cheiro do óleo”, explica Nicolas Degennes, diretor artístico de maquiagem da Givenchy.

Numa pegada mais “gourmand”,Tom Pecheux,maquiador que já foi chef pâtissier, se inspirou em macarons e trufas para dar o toque final nos batons da linha Sensuous Rouge, da Estée Lauder.A Garnier, por sua vez, lançou na Inglaterra a linha Color Sensational Vivids, que leva mel na fórmula e tem aroma correspondente.
Para algumas marcas, ter seu batom reconhecido através do delicioso perfume é tão fundamental quanto criar cores desejáveis. É o caso da Chanel, como floral que ecoa seu icônico N° 5; da Guerlain, cuja linha Kiss Kiss leva notas de violeta e frutas vermelhas; e da MAC, famosa por seu aroma de baunilha.

Fonte: Vogue